Pós?

by Guilhermine Carvalho Link Blog “Pastor, eu andava vazia, com essa sensação de que me faltava alguma coisa. Andava com esse pessoal do rock que bebia, fumava droga. Eu mesma nunca usei essas coisas, mas bebia bebida alcoólica, com calmante, mas droga eu nunca usei. Mas era tudo vazio, sabe pastor? Eu não tinha amigos…

Você tem que ser forte

Por Dani Raphael Vivemos numa sociedade onde Ser forte, não é questão de escolha, mas sim de imposição. Temos que gritar cada vez mais alto para que nos ouçam e que nos deem aquilo que é de direito de todos _ Respeito. Temos que levantar sangrando depois das guerras, para ter um pedaço de pão….

Violino

By Daniela S. Terehoff Merino Violino Gostava tanto dos teus acordes… Por que, então, silencioso, dormes?

Cacá Fonseca

O livro de Cacá Fonseca toca profundamente ao nos permitir adentrar no duelo que ela travou com a morte By Itaú Cultural A série Encontros com a nova literatura brasileira contemporânea apresenta o trabalho de escritores da cena literária recente, com uma seleção atenta à produção de todas as regiões do país. Neste ciclo, a curadoria e…

Rotina

por Jenis Barcelar Ontem eu penduro todas as roupas com a esperança de que a chuva as molharam de novo Hoje eu levanto às 7 e 15 com o corpo firme flutuo a cabeça encharcada Amanhã eu caminho todos os dias com a certeza de que o próximo pé tocará o chão

Conselhos e clichês

(Blog, link) Todo começo tem seu final. Mas afinal, vamos pra frente que atrás vem gente. Sem medo de ser feliz, sem medo de tentar, Mesmo que seja só, sem parente nem aderente, Pois antes só, que mal acompanhado. Deixa rosnar o cão da incerteza, pois cão que ladra não morde. E se morder um…

Por Dani Raphael Mas afinal, o que é a fé. hoje pela manhã depois de tomar alguns goles do meu café frio e de olhar para as paredes que um dia foram brancas e recordar  cada umas das pinceladas que dei naquela quadro hoje cinza , bebi novamente mais um gole do meu frio café…

Garoto Salino

by Patrícia Hironimus Você mexe com coisas adormecidas em mim…toda essa selva fechada…me faz relva e planta um jardim. Um desejo sem fim e inunda meus pensamentos…eu que lancei meu corpo no fundo, prometendo não mais subir…estou aqui nessa clareira. Olhando você!!!! Estrela cintilante em meu caos… Estou à nau… à deriva e confesso que…

Minhas regras

Por Dani Raphael «Meu corpo, minhas regras… Mas quais regras? Se ainda me dizem que não posso amar. Se continuam batendo nas minhas costas dizendo que existem normas e que devo me encaixar. Até semana passada eu acreditava que o amor é sentimento livre, que apenas se vive o estar dentro dele, mas percebi que…