Extra&Brasil



Colaboran en masticadoresBrasil

Daniela Terehoff Merino, Priscila Monteiro Santos, Mozileide Neri, Daniel Pissetti Machado, Bruno Ortiz Monllor, Hang Ferrero, Ian Plat, Joao María, Odilon Machado de Lourenço, Gabriel Picolo

Entrevista

Família by Priscila Monteiro Santos

Link blog Priscila O que é a família? Até hoje não houve quem me pudesse explicar, se família é onde se nasce o sangue que corre em nossas veias, ou se família são aqueles que com o passar dos anos aprendemos a amar… o que é a família? Quem instituiu o que é a família, … Más

A sinestesia do afeto – Por Priscila Monteiro Santos

A sinestesia do afetopor Priscila Monteiro Santos (priscmonteiro.wordpress.com) Ele olhava os olhos da garota em sua frente, mas não enxergava nada. Sentia o cheiro do seu perfume, mas não reconhecia o odor, ele, tocava em sua pele, e nada podia ser acionado para reconhecer a sensação; ela por sua vez, via na cor dos olhos … Más

Graça – Por Priscila Monteiro Santos

Graçapor Priscila Monteiro Santos (priscmonteiro.wordpress.com) Não escrever deixa um peso no corpo… e eu nem sabia que era possível uma palavra pesar tanto, mas hoje, me peguei pensando incessantemente no sentido da palavra merecer, merecimento, escutei muito o termo “você merece” “você mereceu” “ela mereceu” e etc; e de repente hoje me deparei com outros … Más

Hang Ferrero

Nuh by Hang Ferrero

um ato reprovável lhe imprime culpa e resulta no animal da fome e da dor. agita-lhe cada músculo, pois bem; mas não só: sangra também, sagrada e reservadamente. [ um arquétipo quase humano ] irrigam-lhe contrações voluntariosas, na tentativa de escapar do ritmo da febre, que lhe acentuam, primeiro a aura e depois os pelos. … Más

Embrionário by Hang Ferrero

trago um tomo dedicado a plumo o mesmo olmo sem erário e húmus insisti no inverno deste bioma o ovário e desde então do ovo engoli tal sumo

Brasil! by Hang Ferrero & j re crivello

Olá Juan. Dias difíceis por aquí Hang Ferrero Este escueto mensaje de un gran poeta brasileño, me recordó que esta Pandemia nos cubre de dificultades, de dolor, de sorpresas ante las dificultades diarias. Brasil, una gran sociedad, libre, animada, llena de la sabiduría ancestral que pasa un mal momento. Podría echarle a la culpa a … Más

Pó by Hang Ferrero

um rodamoinho. uma brincadeira com a geometria da poeira, um peito humanóide, ressoando a plástica da vida. a fusão: emoção e escuta, reverberando palavras imensas, mas todas no diminutivo qué prá retardar o tempo das coisas, pra essa coisa adulta. tá! é clausura também! e talvez, egoísmo e, acrescenta-se dois tantos desse elemento filosofal; por … Más

João-Maria

a Schiele por João-Maria

Ouve atentamente:as cigarras conspurcam o vento, lâminasinquietas. As folhas flamejamem pequenos espásmos.O mundo torce-se de mortes;todo ele é dor e gritos,todo ele é agonia e arena;o teu sorriso é cremadopela sua teimosia. A infinitude da expressãoestá na geometria. Para sempredensa, para sempreângulando-se num adeusdesnatural. Ouve atentamente:o homem, o seu silênciode manufactura. O seu silênciode extinção.

a Freydanck por João-Maria

— Gostava de ter tocado no palácio de Sanssouci, de exultar um corpo numa valsa pungente quedando sobre uma construção de sons, um edifício implodido; é isso, a devassidão, vergonhas extensas e acutilantes, ser-se vulgar mas acometido duma energia extrema para mergulhar nos aromas mais profundos. Entristece-me, sabe? Há coisas… Pronto; os ciclos solares na … Más

a Renoir por João-Maria

Havia uma expressão em Bouja’d que nunca se dizia, era silêncio, um silêncio ininteligível que doía como o extermínio do mais diminuto insecto. Diz-se, ainda, que antes de ser silêncio era uma hipóstase rememorada numa folha da árvore perenifólia cuja canópia cobrira todo o Sáara enquanto ainda era selva, mas não se entendia, de tão … Más


Daniela Terehoff Merino

Contra a corrente by Daniela Terehoff Merino

Olá a todos A partir de hoje a edição MasticadoresBrasil assumo a realização e edição com muito carinho. Publicaremos nossos escritores e colaboradores de longa data e adicionaremos notícias culturais. Obrigado a todos por continuarem apoiando a Masticadores, uma plataforma gratuita e colaborativa que atinge 7 países e 5 idiomas. Juan re Crivello Para enviar … Más

Mundo azul – Por Daniela Terehoff Merino

Mundo azul Certo dia, ouviu a frase: “Azul é a cor mais quente” e ficou fascinada. Resolveu testar. Acendeu uma das bocas de seu fogão e comprovou: _ Não há dúvidas: azul é a cor mais próxima do centro. É onde o calor se faz mais forte…Foi então que teve uma ideia: fez um desenho … Más

Mozileide Neri

Delírio – by Mozileide Neri

Delírio Eu quero uma palavra que me mate. Pode ser uma palavra já morta. Úmida. Sem significação literal. Eu quero vestir paredes nuas. Abrir portas côncavas. Fechar janelas opacas. Rasgar vidros.

Minhas cidades II – Mozileide Neri

Minhas cidades II Macapá não te deixa ir embora, o calor de Palmas aquece todos os tipos de pele, em São Luís os azulejos portugueses não falam brasileiro.

Pátria amada – Por Mozileide Neri

Pátria amada o Brasil não foi descoberto foi invadido. Torturado durante a ditadura militar, continua sendo roubado todos os dias. Sobreviveu ao Covid-19, mas continua acamado lutando para não morrer.

Bruno Ortiz

Bruno Ortiz Monllor

Ensaio sobre a cegueira de um país.#ilustração #cartum #charge #aquarela #cegueira #covid_19


Hang Ferrero / Poesia

Jenis

Indício Circunstancial by Jenis

Queria achar no chão esquecido o pedaço que falta em mim na marca de quem não vejo no vazio infundado ao chão Calço meus pés nos calços de outros Brinco de encaixotação Me faço detetive de corpos Desesperada Angustiada Abraçada ao vento São tantas gentes, como faço pra achar? Na investigação desse mar de pegadas … Más

Poesia de banheiro -Por Jenis

Poesia de banheiro por Jenis A silhueta em luz branca da porta a única conexão com o fora O fora que é todo ao contrário seco, luminoso, aberto Não, senhor, eu prefiro o dentro, muito obrigada. Fico, com agrado, junto às minhas cerâmicas quadradas a luz queimada e o chiado que me lembra chuva. Canto … Más


Daniel Pissetti Machado

Eclipse by Daniel Pissetti Machado

Há um EU dentro de você E de mim também, duvida? Ele é destinado a vivenciar o seu sonho Experimentá-lo Pormenorizadoramente Este encantamento é eterno … Más

Gabriel Picolo (Instagram)

_picoloVerificado My favorite relationship dynamic 💜💚 Tell me what character couples you would like me to draw in this style 🤔#beastboy#raven#art#style#relationshipgoals#comics gothgirlfrend i’d love to see you draw a wlw couple. like harley quinn and poison ivy!1 sem _picoloVerificado My favorite relationship dynamic 💜💚 Tell me what character couples you would like me to draw … Más

Odilon machado de Lourenço

Poemas praianos: Águas para longe

By Odilon Machado de Lourenço Blog PARA O AMIGO CLAUDIO CARDOSO. Quero andar para um rio Ver verde de campos… Matas plantadas no céu… Ouvir pássaros, águas nervosas, montanhas caladas… Correr no inviolável silêncio dos meus olhos! Abandonar-me sobre as pedras Observar liquens, lagartos ligeiros… Novas estrelas no arvoredo noturno Quero praticar o silêncio. Escalar … Más

Poesia para minha Morte by Odilon Machado de Lorenço

Será sem saber como, imagino Será na batalha final entre mim e o tempo Haverá um pássaro azul na árvore junto aos meus olhos? De flores estarão cobertas as cerejeiras do Japão, talvez nessa hora Uma guerra travada na Zâmbia, talvez nessa hora elimine culturas Um submarino de marinheiros mortos tocará o mais fundo do … Más

Iminência – Por Odilon Machado de Lourenço

Iminência Que não me falte elegância na hora do socoA mão direita pesa e a esquerda é chumboSinto acidez no estômago de muitas gentesUm ácido agarrado às paredes da gargantaEstranho incômodo regurgitado pois não quer ser engolidoQue não me falte elegância na hora do socoUm devaneio no poder vai massacrandoVômito não basta para limpar entranhasÉ … Más

Últimas Entradas Publicadas

Cinza Padrão by Jayla Nobre

Amor A conquista latente da alma Em razão de sua razão Torna as coisas Como elas são Mas ele sobrevive Torna o belo Plausível Torna o novo Visível E o surreal Intransponível Se ele pudesse Já estaria Se coubesse Permearia Diz o amor Que não é opressor Faria da brevidade Eternidade Da condição Veracidade Difícil … Más

Cinema, mulheres e memória: diretoras brasileiras e a ditadura militar

By Itaucultural.org Uma das cenas mais marcantes de Ana. Sem título, novo filme da diretora Lúcia Murat, é um plano aberto que mostra uma inscrição na arquibancada do Estádio Nacional do Chile, em Santiago: “um povo sem memória é um povo sem futuro”. A reflexão sobre o passado do Brasil, especialmente o período da ditadura … Más

Não aceite qualquer coisa

Nicole Guimarães volta a publicar na MasticadoresBrasil. O seu estilo claro e próximo das preocupações das pessoas permite-nos conhecer uma forma de ver a vida. Obrigado Nicole por sempre apoiar a Masticadores! -j re crivello Ninguém tira de mim a ideia de que muita gente está em relacionamentos péssimos porque cai na lenda do “medo … Más

Cargando…

Algo ha ido mal. Por favor, recarga la página y/o inténtalo de nuevo.

O Extra faz parte do trabalho da Masticadores, e permite mostrar seus autores, já existem ExtraMasticadores, ExtraFocus, ExtraFem e agora ExtraBrasil. Obrigado a todos pelo apoio. j re crivello