Platonismo

By Guilherme Carvalho Uma história sempre começa de um ponto. A não ser a própria História que não se pode principiar, mas que invariavelmente teve um início. Essa história que ele começava, aparentemente não havia começado. Poderia ter sido uma frase dita sem pensar, ou um olhar que cativasse o fragmento de um segundo qualquer,…

Léo, o rei da floresta

Por Dani Raphael   O céu já estava alaranjado Quando dona onça saiu da sua toca e foi tomar seu banho La no riacho _mas que barulho é esse, pensou dona onça toda assustada, parece o choro de um gato E dona onça,  com seu faro e seus ouvidos aguçados Passou a procurar entre as…

Profundamente influenciada pelas sensações…

By Miriam Costa As sutilezas acendem as idéias e nos deixam livres das migalhas dos poetas, o interesse é primo das utilidades físicas e não gosta de filosofias fracas. Arrependimento não é pura distração, acredite quem quiser, estou no conforto de um sonho, onde rio histericamente por estar livre!Estar livre para ser como farol distante,…

O sorriso do entregador

By Nicole Guimarães Tinha tempo que não comia peixe e, como minha especialidade é ovo, resolvi pedir de um restaurante pequeno do bairro. O interfone está quebrado há séculos e falei para me avisarem quando o entregador saísse para entrega. Dito e feito. Avisaram e desci para aguardar. Acompanhei pelo aplicativo e tudo ia bem…

Um “tradutor do tempo”, Jaider Esbell é para sempre

By Itaú Cultural Uma das estrelas da 34ª bienal de São Paulo, Jaider Esbell morreu nesta terça-feira, 2 de novembro de 2021. Reunimos aqui, como forma de homenageá-lo, depoimentos seus ao Itaú Cultural. Publicado em março de 2020, mas com depoimento gravado em 2018, o episódio do podcast Mekukradjá com a participação de Jaider Esbell tem…

Explore-se by Fellype Ferraz

CronicArte Link Quando eu era criança meu maior sonho era explorar o mundo, só que as grades do limite o tornaram inacessível, com o passar do tempo comecei a compreender que cada pessoa era um mundo e já não me cabia mais frente ao sonho, havia muito pra explorar, sendo cada pessoa um diferente mundo,…

Se eu lhe contasse… by Miriam Costa

Por Miriam Costa & Cronicarte Se eu lhe contasse…É preciso impaciência para se alcançar a paciência, essa esperança modernista, (risos), sempre descrita na confusão de outros poemas.——-> Os rastros de luz do destino se desprenderam da carne, ficaram iluminando o “não há vagas” do nosso desejo.——-> O espelho refletindo o cupido antes de atingi-lo!Se eu lhe…

Estelita la huerfanita By Marie Estelle Picouto

Estelita siempre recordaba que, a la edad de 3 años, su padre la llevó de la mano y la entregó a unas monjas. Ella creció en un orfanato. Nunca comprendió que error cometió para haber sido castigada dejándola allí. Recordaba que, días antes de ser entregada a las monjas, había visto por última vez a…

Persecución en Venecia by Francisco J. Martín

Hacía tiempo que no caminaba por la ciudad de Venecia y ese día, después de dos horas, había llegado a la Basílica de Santa Maria de la Salud cuando lo que quería era ir a la estación de ferrocarril. James K. se había perdido a pesar de contar con un mapa turístico, así no llegaría,…

Recuerdos Tardíos by Claudio Nigro

Habrá recuerdos tardíos como Absolución de ayeres… /únicos …dormidos… que tal vez en la Libertad u Osadía encuentre la repetición de aquellos trazos de estrellas… /inquietos… /entre risas…juguetes… yo te imaginaba…/ me imaginaba …Onmipresente …desbordado patio trasero… [convocante] de baldosas ásperas…sombras cómplices y aromas a madreselvas.. allí como siempre su Rey… mi perro Willy y su fiel compañera Emma… ay!!…