Maré

Por: Patricia Hironimus https://www.facebook.com/profile.php?id=100074041560320 Meu corpo contra o seu!MaréMarArÉToda encosta quebradaRebentaO caisCaiSsssssssesssspumaQue agitaO vai e vemDo amarSalgado no olho vermelho!

Melancolia

Por: Guilherme Carvalho https://poesificando.com/ A tua falta é a minha nem nos conhecemos nenhum cruzamento sinal corredor nada nos conecta… A tua falta é a minha uma comunhão de vazios e nunca nos encontraremos                                          …

Poesia de Quarta-feira.

Por: Miriam Costahttps://revistacronicarte.wordpress.com/category/cronicando/autores/miriam-costa/ Foto por: Solrac A estampa de flores na calça jeans que ela tinha, se misturava com o resto da grama, folhagens amareladas e coisas de festa que reluziam ao sol.( Na vida real a tela não escurece! – pensa ela e só os íntimos sabem que ela seguiu viagem com os olhos…

À espera do fim do mundo.

Por: Iuri V. Lima Acorrentados nos trilhos suicidas estão os corações sonhadores de hoje em dia Apodrecidos, açoitados pela mediocridade cotidiana Por amar quem engana Por se enganar pra poder amar Por se armar pra poder sorrir Infelizes serão todos aqueles que tiverem um sonho incorruptível Pessoas incorruptíveis não tem lugar na tão amada sociedade…

Engrenagens da vida

Por: Blog Minhas Lindas Letras – Mariana Borgeshttp://minhaslindasletras.blogspot.com Ame o barulho, mas venere o silêncio. Desfrute das coisas boas da vida sem medo. Ame batata frita, pizza e chocolate. Não exagere mas coma com vontade! Seja bom, mas não seja bobo… Seja do tipo: bateu; levou…. Se algo te incomoda, reclame mesmo. Chore quando tiver…

Entre as anotações…

Por: IgorSolrac & Miriam Costa Se meu caminho é o amor, quero cobri-lo de aventuras e rosas, desfrutar das emoções até as inconsequentes, ser céu, ser inspiração, poesia, a doçura em teus olhos que são mel. Ser tudo o que somos infinitamente e deixar o tempo escrever na tua mente que não nos entreolhamos à…

Consome tudo aqui dentro como muito sempre me consome

By Naomi Lustosa Mesmo ciclo Mesma paranoia Mesmo jeito Mesma ruptura Quisera eu poder dizer que foi-se o fim Acabou e eu segui. Romper é um verbo de ação que ainda não agiu em mim. É que eu refiz o trajeto E vieram os medos As dores As angústias de todos aqueles dias. Não na…

Meu único amor.

Por: Miriam Costahttps://www.facebook.com/miriamcostaartistaplasticaepoetisa E assim segura, minha irmã me sento no parapeito dos teus olhos, balançando as pernas, apreciando a luminescência, vendo o sol me aquecer! As coisas mais lindas percorrem meu rosto, resplendor, brilho, enquanto leio poesia e tomara que um dia eu consiga desenhar com essa mesma nitidez! As cores fazem sumir as…

O deserto

Por: Aline GoffmanInstagram @alinegoffman Voa areia, melodia. Com poeira, poesia. Marcha a vida, calmaria… e assim nasce o dia: Uma letra no papel quando olho para o céu, Vento, venta carrocel com seu beijo cor de mel. Ela chega, sereia e toma banho de areia, Pegando sol, fugindo do anzol…. Desse deserto quero estar sempre…

Inconstância

Por:  Maria Sirlane Verissimohttps://mariasirlaneverissimo.wordpress.com/ Alguns dias são cinzentosNestes eu me escondo. Outros são azuisE eu me visto de luz. Alguns dias pretosFico com medo. Outros dias variam muitoDe cores, jeitos e humores. Alguns dias eu passo sóOutros com muitos ao meu redor. Assim entendo que vou vivendoCom tudo e vivo tudoCom medo e certo receio….